4 SEGREDOS PARA TER UMA VIDA CONJUGAL FELIZ

"São as pequenas coisas, muitas vezes insignificantes, que mudam nossa vida completamente."

casal de mãos dadas

Se reúno em uma sala dez casais recém-casados e lhes digo que sete terminarão em divórcio, acreditariam em mim? A resposta mais óbvia é que não, porém a realidade é que sete casais, de cada dez, terminam em divórcio. Neste artigo, você vai aprender quatro segredos para que sua relação fique fora dessa terrível estatística e você e seu par possam desfrutar de um amor plenamente.

O verdadeiro amor no casamento é um pilar em nossa vida. Ter a nosso lado uma pessoa que nos ame, nos respeite, nos valorize e se interesse por nós é um dos presentes mais maravilhosos de nossa existência.

A maioria dos casais costuma confundir a etapa de namoro com uma relação estável e madura. E isso é normal porque vemos, principalmente, nos filmes e em novelas de televisão, uma imagem de um casal em que a mulher espera seu príncipe encantado, este aparece e são felizes para sempre.

Lamentavelmente na vida real, não é exatamente assim. Vê-se que um relacionamento conjugal compõe-se de várias etapas. A primeira é a etapa de namoro – nesta etapa tudo é lindo, fazemos qualquer coisa pela pessoa que amamos, vemos somente o bom e o positivo dele ou dela e nos parece perfeito/a. Segundo a experiência, essa etapa costuma durar aproximadamente dois anos. Assim que termina esse tempo, a coisa muda.

Esses primeiros dois anos são os mais fáceis; já que o amor guia, de certo modo, nossas ações e tudo vai muito bem. Logo que superamos essa etapa, chega o momento de levar nossa relação ao nível seguinte, e isso o faremos mediante a aprendizagem sobre como ter um relacionamento conjugal feliz e duradouro.

90% dos divórcios poderiam ter sido evitados se ambos os membros de um casal dominassem a informação e o conhecimento necessário para levar uma relação estável.

vida romântica

Os quatro segredos para ter uma vida conjugal feliz

Segredo 1: A comunicação inversa

Todo mundo diz que para ter um relacionamento conjugal estável e feliz deve existir uma boa comunicação, e que com isso de um certo modo todos concordam; entretanto cometemos um erro quando confundimos a comunicação com o falar a todo momento, dizer o que se passou conosco durante o dia, e coisas desse tipo.

Fazer isso é um erro, porque a outra pessoa se sentirá saturada e seu interesse na relação diminuirá pouco a pouco. O segredo é ter uma comunicação inversa. Isso quer dizer que, em vez de você falar sobre si mesmo, tem que deixar transparecer um interesse sincero pelo cônjuge pelo qual deve basear a comunicação.

Quando os interesses são, de forma sincera, dirigidos à outra pessoa, a comunicação fluirá em perfeita harmonia e ambos se sentirão bem.


vida a dois

Segredo 2: Diga como você se sente

Expressar seus sentimentos é um ponto fundamental para manter um bom relacionamento. Cada atitude, cada comportamento, cada ação, cada gesto de nosso par faz nos sentir de certa forma. Tendo isso em conta, é muito importante que, quando seu cônjuge fizer você se sentir feliz, diga o quanto ela/ele lhe fez se sentir feliz. E o contrário também, quando lhe fizer se sentir mal. Tudo isso deve ser comunicado de forma sincera e tranquila.

Neste sentido, recorde que seu único trabalho é dizer como ele/ela lhe faz se sentir, nada mais. Nunca espere uma resposta ou que faça algo para você, porque se a outra pessoa responder ou fizer algo e não for aquilo que você espera, será muito frustrante para você.

Por exemplo, se em uma reunião seu cônjuge comportou-se de uma forma que fez você se sentir mal, logo em casa ou no dia seguinte, fale com ele/ela, explique-lhe que seu comportamento fez você sentir-se mal, e deseja que aquilo não volte a se repetir; mudando, imediatamente, de assunto.

Dessa maneira, você faz que seu par fique com a ideia na mente e faça as mudanças necessárias para que aquele seu descontentamento não volte a ocorrer.


sorriso

Segredo 3: Sorrir

Quando foi a última vez que você e seu par sorriram muito um para o outro? O sorriso é a expressão de bem-estar e felicidade e isso é o que você quer para a sua relação, não é verdade?

Assistam a um filme de humor, contem piadas, levem muitas coisas com brincadeiras, busquem algum motivo para sorrir. O sentido do humor, certamente, é o combustível que impulsiona uma relação feliz e duradora.

Lembre-se de manter um equilíbrio. Levar todas as coisas a sério ou levar tudo na brincadeira, em ambos os casos é um erro. O importante é que a cada dia compartilhem, pelo menos, algumas risadas.


toque de amor

Segredo 4: Toquem-se diariamente

O contato físico para um casal é muito importante. Quando digo “toquem-se diariamente”, quero dizer que, todos os dias, pegue em sua mão, abrace seu par de forma sincera, dê um beijo, ponha as mãos em seus ombros ou em sua cintura.

Um abraço, um beijo, umas palmadinhas no bumbum, são gestos unem um casal e nutre o amor entre eles. Se vocês desenvolverem esses hábitos positivos em sua relação, verão como ela melhora e cresce com o tempo.

Agora, você já sabe os quatro segredos para ter uma relação conjugal estável e feliz. Fale com seu par sobre esses segredos e, pouco a pouco, coloquem em prática na sua relação.



FIM